Projeto de Lei de Vinicius Louro eleva vaquejadas do Parque Maratá a Patrimônio Imaterial do Maranhão

O deputado estadual Vinicius Louro (PL), deu entrada no Projeto de Lei que eleva as vaquejadas do Parque Maratá, de Trizidela do Vale, a condição de Patrimônio Cultural de Natureza Imaterial e Cultural do Estado do Maranhão. O projeto ainda passará pelo segundo turno de votação no plenário da Assembleia Legislativa.

Em sua explanação sobre o projeto, o deputado Vinicius Louro enfatizou sobre sua antiga luta pela causa do esporte de vaquejada e afirmou que as vaquejadas do Parque Maratá são umas das mais tradicionais do estado; o evento é considerado o segundo maior de Trizidela do Vale, perdendo apenas para o aniversário da cidade.

“Todos os anos, uma imensa estrutura é montada para receber vaqueiros de todo o país dos mais variados níveis (profissional, amador e aspirante), possibilitando empregos diretos e indiretos, movimentando a economia local e fazendo dessa festividade um referencial cultural para todo o Maranhão”, afirmou Vinicius Louro.

Em junho e julho de 2022, a Vaquejada do Parque Maratá vai realizar sua 32° edição, com muita competição, prêmios e atrações especiais.

“Quando falamos de progresso com a geração de emprego e renda, também é para incentivar um projeto de lei dessa magnitude e fazer que esse parque de vaquejada, que gera tantas riquezas e tantos benefícios a população, também seja respaldado para que os municípios e o estado contribuam com convênios, aumentando ainda mais essa festividade”, discorreu o deputado Vinicius Louro.

Vinicius parabenizou o proprietário do Parque Maratá e ex-prefeito de Trizidela do Vale, Paulo Maratá, pelo incentivo ao esporte e a cultura do município, e afirmou que pretende expandir o projeto de lei de Patrimônio Imaterial a outros parques de vaquejadas do Maranhão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.